Weby shortcut
banner

Apresentação

 

Desde 1988, o Departamento de Matemática (DM) do Câmpus Catalão (CAC) da Universidade Federal de Goiás (UFG) oferece à população o Curso de Licenciatura em Matemática (Presencial). Assim, desde esta época, vem contribuindo de modo significativo para a formação de profissionais da educação no que tange ao exercício da docência acerca dos conhecimentos matemáticos. Esta contribuição, a cada ano potencializada pelo desenvolvimento profissional dos professores que atuam no curso, vem consolidando o departamento enquanto agente transformador da realidade educacional-matemática no âmbito da microrregião de Catalão-GO. Os resultados alcançados aos níveis do ensino, pesquisa e extensão, estabelecem de modo substancial, dia após dia, uma nova paisagem relativa ao fomento dos saberes matemáticos na região sudeste do estado de Goiás.

A partir de discussões realizadas e da consequente percepção de viabilidade e da existência de demanda, o DM/CAC/UFG se propõe a ofertar o curso de Licenciatura em Matemática na modalidade a distância (EaD). Esta ação otimizará o processo de expansão e interiorização da Educação Superior Pública, de qualidade e gratuita no estado de Goiás, potencializando ainda mais a contribuição do DM.

A oferta de cursos de graduação na modalidade a distância foi favorecida pela criação da Universidade Aberta do Brasil (UAB), em 08 de junho de 2006, através do Decreto nº 5.800 de 08 de junho de 2006.

É importante destacar o eixo norteador considerado para elaboração do curso: “A educação a distância se baseia em um diálogo didático mediado entre professor (instituição) e o estudante que, localizado em espaço diferente daquele, aprende de forma independente (cooperativa)” (GARCIA ARETIO, 2001, p. 41). Nesta mesma obra, o autor resume o que considera características principais desta modalidade de ensino:

a) a quase permanente separação do professor e aluno no espaço e no tempo, salvaguardando-se que, nesta última variável, pode produzir-se também interação síncrona;

b) o estudo independente no qual o aluno controla o tempo, espaço, determinando ritmos de estudo e, em alguns casos, itinerários, atividades, tempo de avaliação, etc. Aspecto que pode complementar-se com as possibilidades de interação em encontros presenciais ou eletrônicos, as quais fornecem oportunidades para a socialização e a aprendizagem colaborativa;

c) a comunicação mediada de via dupla entre professor e estudante e, em alguns casos, destes entre si por meio de diferentes recursos;

d) o suporte de uma instituição que planeja, projeta, produz materiais, avalia e realiza o seguimento e motivação do processo de aprendizagem por meio da tutoria.

A separação física entre os sujeitos faz ressaltar a importância dos meios de aprendizagem. Os materiais didáticos devem ser pensados e produzidos dentro das especificidades da educação a distância e da realidade do aluno para o qual o material está sendo elaborado. No entanto, não se pode deixar de ter em conta o avanço dos recursos tecnológicos, sobretudo como uma ferramenta que facilita a comunicação, a troca e a aquisição de informação. É neste sentido que, mesmo investindo preferencialmente em materiais impressos, não se pode abrir mão de projetar também a elaboração de materiais para web, ou a utilização de mídias digitais como o CD-ROM.

Um diferencial da concepção adotada para a elaboração do curso a distância, ofertado pelo DM atualmente, é a utilização em grande escala dos recursos digitais, sobretudo aqueles que privilegiam a interação proporcionada pela Internet, associada aos materiais impressos convencionais. Assim sendo, além da capacitação dos alunos envolvidos, este curso terá como um produto importante a pesquisa e o desenvolvimento de materiais didáticos e objetos de aprendizagem voltados para as mídias digitais, os quais poderão contribuir pedagogicamente também no curso presencial.

Este curso também se insere dentro de uma proposta de qualificação de professores em serviço, visando atender a Resolução FNDE/CD/Nº 34, de 9 de agosto de 2005. Esta resolução faz parte do Programa de Formação Inicial para Professores dos Ensinos Fundamental e Médio promovido pelo Ministério da Educação. Este é um Programa de formação inicial voltado para professores que atuam nos sistemas públicos de ensino, nos anos/séries finais do Ensino Fundamental e/ou no Ensino Médio e não têm habilitação legal para o exercício da função (licenciatura).

A estrutura do curso é composta por Núcleo Comum e Núcleo Específico, consistindo em disciplinas obrigatórias e atividades complementares. A seguir são apresentadas as especificidades do curso.

a) Área de Conhecimento: Ciências Exatas e da Terra;

b) Modalidade: Distância;

c) Curso: Matemática;

d) Grau Acadêmico: Licenciatura;

e) Título a Ser Conferido: Licenciado;

f) Habilitação: Licenciado em Matemática;

g) Unidade Responsável pelo Curso: Câmpus Catalão – UFG;

h) Carga Horária do Curso: 2904 horas;

i) Funcionamento do Curso: Integral (Diurno/Noturno);

j) Número de Vagas: 250 (duzentos e cinquenta);

k) Duração do Curso: Mínima: 8 semestres; Máxima: 12 semestres;

l) Forma de Ingresso ao Curso: a forma de acesso ao curso dar-se-á nos termos do Regimento Geral da UFG e do Regulamento Geral de Cursos de Graduação (RGCG), Resolução CONSUNI nº 1122/2012, por meio do processo seletivo - vestibular.

m) Público Alvo: professores do Ensino Básico da rede pública sem a formação legal exigida para a função; jovens entre 18 (dezoito) e 24 (vinte e quatro) anos ainda sem acesso ao ensino superior; pessoas acima de 24 (vinte e quatro) anos que não tiveram acesso ao ensino superior; graduados em outros cursos que tenham interesse pela área.

n) Polos onde o curso será ofertado: Águas Lindas de Goiás, Alto Paraíso de Goiás, Cezarina, Uruaçu e Urunas.

 

É fundamental ressaltar a imensa satisfação do Departamento de Matemática do Câmpus Catalão da Universidade Federal de Goiás em apresentar o Curso de Licenciatura em Matemática na Modalidade a Distância a ser oferecido nesta Unidade de Ensino. O mesmo constitui uma conquista histórica de cada um dos docentes, discentes e funcionários técnico-administrativos que contribuíram para o crescimento e a sustentabilidade do referido Departamento.